Português (Brasil)

Página inicial / Notícias / Londres deu luz verde à segunda fase do maior parque eólico do mundo

Londres deu luz verde à segunda fase do maior parque eólico do mundo


17/08/2016, 16:05:44

Creditos:

 

O Governo britânico aprovou os planos para a expansão do maior parque eólico offshore do mundo, situado na costa de Yorkshire. 

O The Guardian noticia esta terça-feira, 16 de Agosto, que os ministros do Governo do Reino Unido aprovaram os planos de expansão do maior parque eólico do mundo, situado na costa de Yorkshire, mais precisamente a 55 milhas de Grimsby, no Reino Unido. Trata-se da segunda fase (Hornsea Project Two) deste projecto, cuja primeira fase se encontra já em construção (Hornsea Project One).
 
Este parque eólico que contará com mais de 300 turbinas é o maior do mundo e ocupará uma área cinco vezes maior do que o tamanho ocupado pela cidade britânica de Hull. Depois de concluído, o projecto que foi desenvolvido pela empresa dinamarquesa Dong Energy deverá ter capacidade para gear 1.800 MW de electricidade com baixos níveis de CO2 e alimentar 1.8 milhões de casas britânicas.
 
Através deste projecto, a Dong Energy deverá investir, refere o Guardian, 6 mil milhões de libras e criar mais de 2,5 mil postos de trabalho, embora a empresa dinamarquesa não tenha ainda tomado uma decisão final sobre o montante final do investimento no Hornsea Project Two.
 
Ainda assim, o Governo do Reino Unido antecipa que a construção deste parque eólico permitirá gerar quase 2 mil empregos no sector da construção e ainda 580 postos de trabalho relacionados com a operação e manutenção do mesmo. Espera-se que este parque eólico esteja pronto para entrega em 2020.

Fonte: Jornal de Negocios
Foto: Reuters


  • IBICT
  • MCTI
  • Ciencia sem Fronteiras
  • Foreign & Commonwealth Office
  • Universities UK
  • International Unit
  • British Council
Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia - IBICT

Setor de Autarquias Sul (SAUS), Quadra 05 Lote 06 Bloco H Cep: 70070-912
Plano Piloto - DF, Brasil